Representantes dos diferentes segmentos da educação vão debater temas relacionados com mudanças no processo de aprendizagem, as possíveis tendências até 2030 e estratégias de atualização de professores e escolas
Representantes dos diferentes segmentos da educação vão debater temas relacionados com mudanças no processo de aprendizagem, as possíveis tendências até 2030 e estratégias de atualização de professores e escolas.

Radar do Futuro

Professores e alunos que interagem com assistentes digitais para a pesquisa e apresentação de conteúdos de ensino e aprendizagem. Escolas que acompanham o desempenho da formação escolar de forma instantânea. Estes poucos exemplos sintetizam as potencialidades da inteligência artificial no setor educacional, tema do debate “Impactos da IA na Educação do Futuro”, promovido pela empresa AION, com apoio da PUCMinas.

O evento será realizado no dia 22 de maio, de 19h às 21h. Representantes dos diferentes segmentos da educação vão debater temas relacionados com mudanças no processo de aprendizagem, as possíveis tendências até 2030 e estratégias de atualização de professores e escolas. Promotor do debate e de outras iniciativas relacionadas com a evolução das tecnologias de IA, Sérgio Viegas, dono e fundador da AION, assinala que a inteligência artificial tem gerado expectativas em todos os setores, algumas pessimistas e outras otimistas em relação ao futuro.

No âmbito da educação, a IA pode influenciar em muito diversos processos, alterando formatos atuais e possivelmente ampliando o aprendizado. Porém, toda mudança pode vir acompanhada de riscos e medos. Os professores, escolas e alunos poderão ser impactados e precisam se orientar rapidamente para se prepararem para as novidades que virão.

Em relação ao mercado, esse espera por profissionais diferentes dos que são formados atualmente e este ajuste mercado-escola não tem conseguido aguardar alterações lentas de âmbito governamental que exige aprovações em instituições não preparadas para esta revolução digital em vigor.

O debate discutirá temas como:

• Como a IA vai mudar o processo de aprendizagem?
• Quais possíveis tendências em IA na educação até 2030?
• Como os sistemas educacionais atuais serão impactados pelas tecnologias de IA?
• Como o professor deve se preparar?
• Como as escolas devem se preparar?
• Como o aluno será impactado?
• Como o mercado recebe e receberá os alunos formados?

Participantes:

Mediador:

Wladmir Cardoso Brandão. Professor e Pesquisador na PUC Minas. CV: Doutor em Ciência da Computação, Mestre em Ciência da Informação, Especialista em Gestão de Negócios pela UFMG e Bacharel em Ciência da Computação pela PUC Minas. Professor adjunto do DCC (Departamento de Ciência da Computação) e pesquisador permanente do PPGINF na PUC Minas, onde coordena o grupo de pesquisa IRIS (Sistemas Inteligentes para Tratamento de Informação). Membro da ACM (Association for Computing Machinery) e da SBC (Sociedade Brasileira de Computação).

Debatedores:

  • Luis Enrique Zárate Gálvez. Professor e Pesquisador na PUC Minas. CV: graduação em Engenharia Eletrônica pela Universidad Ricardo Palma (1987), Lima-Perú; graduação em Engenharia Elétrica pela Universidade Federal de Minas Gerais (2003); mestrado em Engenharia Elétrica (1991) e doutorado em Engenharia Metalúrgica e de Minas (1998) ambos pela Universidade Federal de Minas Gerais. Entre as principais linhas de pesquisa encontram-se: Soft-Computing (Redes Neurais Artificiais, Lógica Nebulosa e Computação Evolucionária), Aprendizado de Máquina, Descoberta de Conhecimento e Mineração de Dados, Análise Formal de Conceitos e Ontologia. É autor de 150 trabalhos publicados em periódicos e conferências tanto nacionais quanto internacionais.
  • Luciano Sathler. Diretor da Associação Brasileira de Educação a Distância. CV: PhD em Administração pela FEA-USP. Pós-Graduado em Gestão Universitária pela Organização Universitária Interamericana. Reitor do Centro Universitário Metodista Izabela Hendrix. Diretor da Sucesu Minas. Curador do site http://inovacaoeducacional.com.br.
  • Cristiano Lacerda Nunes Pinto. Gerente de TI da Dom Helder Escola de Direito e Coordenador do Curso de Ciência da Computação da EMGE Escola de Engenharia. CV: graduado em Ciência da Computação pela PUC Minas. Mestre em Ciência da Computação pela PUC Minas. Doutorando em Ciência da Computação pela PUC Minas. Cientista de Dados e Co-fundador da DSMiner. Diretor de Soluções Educacionais na SUCESU-MG.
  • Victor Salles. Co-Founder & Head of AI and Bid Data na Hekima. CV: Formado em Ciência da Computação pela UFMG, participou ativamente do Movimento Empresa Júnior e se envolveu na concepção da empresa ainda durante a graduação. Possui experiência em desenvolvimento de software ágil, gestão de processos, vendas de soluções complexas e Lean Startup.
  • Sérgio Viegas. CEO e Fouder da AION, Vice-presidente de Inteligência Artificial da Sucesu Minas, Criador do Meetup de Inteligência Artificial, Criador do Canvas Cognitivo. CV: Formado em ciência da computação na PUC-MG com MBA pela FGV e Mestre em Administração pela Fumec sobre o tema da Sobrecarga de Informações e a atenção humana. Autor do livro Gestão da Informação e Atenção.

Inscrições:
https://www.meetup.com/pt-BR/Meetup-de-Inteligencia-Artificial/events/261427976/

Onde:
PUC Minas – Liberty Square

Rua Sergipe, 790 – Auditório Liberdade

Imagem do local do evento

Participe das conversas sobre o futuro. Deixe a sua opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.