Simulação é a estratégia do futuro em tempos de pandemia

0
233
Sistemas auxiliam a reproduzir diversos cenários de enfrentamento à pandemia em um ambiente hospitalar. Imagem: Pixabay
Sistemas auxiliam a reproduzir diversos cenários de enfrentamento à pandemia em um ambiente hospitalar. Imagem: Pixabay

Leonel Nogueira *

Um dos pilares fundamentais da indústria 4.0, a simulação virtual agrega conceitos de Big Data, Machine Learning, Metodologia Lean e Inteligência Artificial que, através de experiências simuladas, identifica pontos de melhorias em processos, prevê falhas e problemas de produção, propõe soluções, testa hipóteses e verifica relações de causa e efeito de diversas estratégias de negócio. Com o avanço tecnológico, o uso da simulação virtual estará cada vez mais presente no ambiente de negócios e, consequentemente, no dia a dia das pessoas.

Neste momento complicado de distanciamento social, devido à pandemia da COVID-19, o apelo maior é, de forma objetiva, recriar estratégias, procedimentos e comportamentos para auxiliar o processo de tomada de decisão. Assim, a simulação virtual poderia, por exemplo, auxiliar a reproduzir diversos cenários de enfrentamento à pandemia em um ambiente hospitalar, simulando toda a complexidade do ambiente e permitindo um estudo minucioso das relações de causa e efeito da utilização de diversas estratégias de enfrentamento à doença.

Neste cenário, em qualquer empresa, todas as iniciativas a serem implementadas trazem consequências para o negócio de maneira direta ou indireta, podendo ser positivas ou não. E tomar decisões cujas consequências não surtam o efeito desejado e, ou, não estejam alinhadas aos objetivos do negócio, pode custar caro, principalmente em um mundo em que as informações viajam na rede em altíssimas velocidades e novidades surgem a todo momento.

Neste sentido, o emprego da simulação virtual é de extrema importância para o processo de tomada de decisão, uma vez que a simulação permite que o gestor tenha pleno entendimento dos efeitos que determinadas estratégias podem causar e então decidir quais métodos implementar e quais descartar. Vislumbrando assim o melhor cenário de crescimento, alinhado as estratégias da empresa e ainda, com sua capacidade de visão facilitada, é capaz de identificar e gerenciar melhor os riscos do negócio, evitando consequências inesperadas: como gastos excessivos, erros ou retrabalhos.

Portanto, ficam evidentes os benefícios do emprego da simulação virtual, que pode ser realizada remotamente, sem prejuízo no seu resultado, para auxiliar os gestores, onde dificilmente uma mesma decisão tomada para resolver um problema será adequada para solução de outro. Além disso, funcionam em programas de treinamento e aperfeiçoamento de competências, habilidades e até atitudes, uma vez que possibilitam treinamentos práticos, liderados e acompanhados por equipes especializadas, onde um ambiente e suas condições são simulados para estimular o comportamento adequado do colaborador frente a determinada situação.

O principal diferencial do uso dessa tecnologia para a formação de novos profissionais aptos e qualificados para tomar decisões rápidas e precisas, é a sensação de presença que provoca, estimulando o cérebro a intuir que está realmente imerso no contexto do ambiente simulado. A simulação virtual permite que o usuário interaja com todos os elementos de um cenário, fazendo do treinamento uma verdadeira experiência com a possibilidade de manipular e entender como funciona determinado processo ou produto em sua totalidade e por todos os ângulos, como se estivesse fisicamente no ambiente simulado.

A simulação virtual, certamente, exemplifica o enorme potencial de transformação da indústria 4.0, possibilitando processos de melhorias contínuas, teste de hipóteses, constantes reduções de desperdícios e melhoria de resultados através de uma nova e completa experiência simulada, sem que seja necessário prejudicar a rotina diária, além de mitigar riscos inerentes à tomada de decisões.

Inclusive este pode ser o momento ideal para realizar esses procedimentos de simulação e, na retomada dos negócios, estar à frente da concorrência, com o go to market de novos produtos e serviços, já testados, simulados e corrigidos. A área de vendas é uma das que mais pode se beneficiar do alcance dessa experiencia, simulando ao consumidor todas as sensações e experiências de determinado produto antes da compra, despertando o desejo unânime de aquisição do produto.

Sua empresa está preparada para esse novo cenário, com inúmeras possibilidades que surgirão após a pandemia?


  • Leonel Nogueira é CEO da Global TI