hambúrguer vegano apresenta todas as características da carne moída bovina
Hambúrguer vegano apresenta todas as características da carne moída bovina

Com expertise de cinco décadas produzindo substitutos da carne animal e um ano após inovar com uma linha de proteínas veganas e ovolactovegetarianas congeladas à base de ervilha, a Superbom, empresa alimentícia especializada na fabricação de produtos saudáveis, inova mais uma vez com o lançamento do Burger Gourmet Vegan. O hambúrguer vegano apresenta todas as características da carne moída bovina, com destaque para a grande semelhança visual e no sabor que tem a promessa de ser idêntico ao de carne animal.

A novidade, que não contém conservantes e corantes artificiais, é livre de alergênicos e transgênicos, tem como objetivo atender a uma demanda crescente dos brasileiros por produtos sem insumos de origem animal, mas com muitos benefícios nutricionais e notoriamente saborosos. Estes consumidores são formados por vegetarianos, veganos, flexitarianos (pessoas excluem o consumo de carne em alguns dias da semana), esportistas e simpatizantes da alimentação saudável.

Segundo dados da pesquisa Mintel Carnes e aves processadas, não-processadas e alternativas, 18% da população brasileira (cerca de 37 milhões de brasileiros) comprou alternativas à carne animal entre março e setembro de 2018. E 19% (aproximadamente 40 milhões de brasileiros) afirma ter tentado seguir uma dieta vegetariana/vegana como forma de se manter saudável.

De acordo com a diretora de P&D da Superbom, Cristina Ferreira, o processo de desenvolvimento do produto levou um ano, e um dos desafios foi chegar à textura que se aproximasse do hambúrguer tradicional. Encontrar a embalagem ideal também representou outro desafio, a alternativa foi importar um filme de alta barreira que auxiliasse na conservação do produto, garantindo a isenção de conservantes.

“Investimos muito em tecnologia na formulação e nas embalagens para aumentar o tempo de validade do produto sem utilizar nenhum aditivo químico, para conservar o alimento e para manter as características sensoriais do hambúrguer”, explica.

O produto será encontrado nas versões: congelado e resfriado, este último será uma novidade para a categoria de substitutos da carne no Brasil.

Segundo David Oliveira, diretor de marketing da Superbom, o investimento em maquinário e pesquisa para o lançamento do produto começou há um ano, junto com o início da comercialização da linha de proteínas à base de ervilha. “Investimos 9 milhões desde então e continuamos ampliando o portfólio que já era extenso. As 13 opções a base de ervilha que lançamos ano passado tiveram um papel essencial para continuarmos a desenvolver alimentos substitutos da carne e chegarmos à fórmula ideal do Burger Gourmet Vegan”, argumenta.

O resultado foi um hambúrguer vegano de 114g com 15g de proteínas e apenas 8% de calorias cada, uma boa carga proteica para alimentos substitutos da carne animal. Alto teor de fibras alimentares, rico em vitaminas A, B9 e B12, assim como os minerais: ferro e zinco completam a lista de benefícios nutricionais do lançamento.

Oliveira destaca ainda que as expectativas de boa aceitação dos consumidores são altas porque a companhia tem um legado de 50 anos fabricando substitutos da carne animal, tendo começado com os enlatados de proteína de soja. “Produzimos alimentos vegetarianos e veganos saudáveis pela filosofia da empresa e não por oportunismo de mercado. Essa é uma das nossas maiores vantagens para continuar desenvolvendo produtos nesse sentido”, finaliza.

Sobre a Superbom

A Superbom é uma empresa alimentícia, que trabalha com uma linha de produtos saudáveis, que abrange sucos, geleias, salsichas, proteínas, pratos prontos, entre outros. Fundada em 1925, a Superbom comercializa os seus produtos em mais de 25 mil pontos de vendas em todo país. Em função disso, é considerada uma das principais empresas do ramo de alimentos para veganos e vegetarianos do Brasil.

A empresa iniciou as suas atividades com a produção de suco de uva, no interior de uma antiga casa pertencente ao Colégio Adventista Brasileiro (CAB), que posteriormente ficou conhecido como Instituto Adventista de Ensino e, hoje, abriga o Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unasp-SP). Durante toda a sua história, a empresa atua diretamente ligada à Igreja Adventista do Sétimo Dia. Atualmente, a companhia conta com 250 colaboradores, entre a sede e as duas plantas da indústria (localizadas em São Paulo, capital, e em Lebon Régis, Santa Catarina).


Com informações da empresa

Participe das conversas sobre o futuro. Deixe a sua opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.