Os setores que mais investem em telefonia em nuvem – voip

0
85

A procura por telefonia em nuvem aumentou durante a pandemia, e o teletrabalho não é o único motivo pelo sucesso da tecnologia

ilustração de pessoa digitando num celular que simula uma tela de nuvem
Imagem de Gerd Altmann por Pixabay


A procura por telefonia em nuvem aumentou durante a pandemia, e o teletrabalho não é o único motivo pelo sucesso da tecnologia
Imagem de Gerd Altmann por Pixabay

Desde o início da pandemia, as empresas tiveram que se adaptar às mudanças das atividades presenciais para o trabalho remoto. Esse processo acelerado de transformação digital no ambiente corporativo exigiu que os empreendedores adotassem as melhores soluções tecnológicas para continuarem suas atividades com eficiência, qualidade e um custo baixo. Com a aceleração destes processos tecnológicos, destaca-se o VoIP, ferramenta que cresce cada vez mais, principalmente em empresas de telefonia.

A tecnologia que tem revolucionado a forma de comunicação de muitas empresas funciona por meio de softwares que utilizam um Protocolo de Internet (IP) para a transmissão de voz. A facilidade e segurança na telefonia VoIP fez com que muitos setores investissem durante a pandemia, já que o trabalho remoto se tornou uma realidade. “Durante a pandemia, empresas que não eram adeptas a esse sistema viram a necessidade de investir em uma comunicação de qualidade, segura, com facilidade de instalação e mais barata do que a convencional”, explica Leandro Campos, CEO da Nvoip, startup de telecomunicação que possui a maior cobertura de telefonia em nuvem do Brasil.

A tecnologia ganhou tanto apreço que aparece em diversos setores. Leandro Campos lista os que mais investem na tecnologia VoIP:

1- Empresas que os colaboradores trabalham remotamente

Empresas que trabalham com o modelo de trabalho remoto investem na tecnologia VoIP, pois conseguem manter comunicação rápida e eficiente entre gestores e equipe remota utilizando o sistema de qualquer lugar desde que tenha acesso à internet.

2- Centrais de atendimento telefônico

O fluxo de ligações em centrais de atendimento é intenso, por isso, a ferramenta mais adequada para um bom funcionamento do sistema é a telefonia VoIP. Com recursos PABX em nuvem, o atendimento telefônico é mais eficiente, pois aumenta a qualidade nas ligações e, consequentemente, otimiza tempo. Outra vantagem para usar VoIP neste segmento é a possibilidade de gravar as ligações com segurança. Além disso, é possível ter o controle do tempo e volume de ligações, permitindo identificar o desempenho dos seus colaboradores e traçar estratégias eficientes de produtividade.

3- E-commerce

Essa modalidade de negócio em que as transações são realizadas totalmente online necessitam atender clientes de várias regiões. Para isso, possuem sistemas similares a call centers que, por meio da tecnologia VoIP, permite conectá-los a qualquer região, desde que o dispositivo tenha acesso a internet.

4- Empresas com múltiplas filiais

A tecnologia VoIP facilita a interconexão das ligações entre as filiais. Além disso, há uma economia significativa de custos, uma vez que existe a alternativa de realizar ligações gratuitas entre os ramais por meio de recursos da internet.

5- Empresas que atendem todo o Brasil

A tecnologia VoIP permite que o usuário tenha números de diversos estados. A possibilidade de ter múltiplos DDD’s permite a expansão de operações e negócios.

6- Provedores de Internet

Utilizam a tecnologia VoIP como Serviço de Valor Agregado (SVA), que nada mais é do que oferecer a tecnologia vinculada ao serviço já oferecido pelos provedores. Empresas que oferecem serviços adicionais têm a possibilidade de aumentar o faturamento.

7- Hotéis e pousadas

O setor de hotelaria é um dos mais afetados pela pandemia da covid-19, com esse período de incertezas, os hotéis e pousadas, viram a necessidade de investir em serviços sem fidelidade ou que tenham valor agregado por meio da tecnologia VoIP.

8- Startups

Em um contexto marcado por inovação, encontram-se as Startups. Conhecidas também como Early Adopters, usuários que estão abertos a experimentar novidades do mercado, a tecnologia de telefonia na nuvem é uma tendência para essas empresas inovadoras, uma vez que o custo é mais baixo e há menos burocracia em comparação a um sistema de telefonia convencional.

Business Intelligence potencializa atendimento

Com o crescimento do segmento de tecnologia durante a pandemia da Covid-19, estar atento ao aprimoramento e transformação das ferramentas digitais é essencial para se destacar e aumentar a competitividade no mercado. Mesmo em um cenário de recessão econômica, algumas tecnologias têm ganhado força, como é o caso do Business Intelligence (BI), conhecido como inteligência dos negócios. O BI é o processo de coletar dados e transformá-los em informações pertinentes para tomar decisões estratégicas mais assertivas e contribuir para alavancar os negócios.

De acordo com os números de participação de mercado de 2020 da IDC, o mercado global total de Business Intelligence e Analytics atingiu US$ 19,2 bilhões, crescendo 5,2 em relação ao ano anterior. “Nos últimos anos, o Business Intelligence evoluiu e se tornou indispensável para a melhora de processos e desempenho dos negócios. Com o avanço das ferramentas de BI, como o Business Analytics, empresas de todos os portes e segmentos se beneficiam deste processo de coleta, organização e análise de dados, que são gerados diariamente nas operações da empresa, desde produtos e serviços até informações do cliente”, explica Leandro Campos, CEO da Nvoip, startup de telecomunicação que possui a maior cobertura de telefonia em nuvem do Brasil.

O atendimento ao cliente de qualidade é o ponto chave para garantir fidelização oferecendo um serviço diferenciado no mercado. Nesse sentido, o Business Intelligence se tornou o principal aliado para ter informações aprofundadas do cliente e prestar um serviço de qualidade. Leandro Campos lista como o BI potencializa o atendimento ao cliente trazendo as melhores experiências para os consumidores e usuários:

Fidelização do cliente: O BI permite, por meio da coleta de dados, informações e métricas que possibilitam um maior entendimento do público-alvo, ao identificar suas necessidades e suas dificuldades, consequentemente, o atendimento será muito mais eficiente, e a experiência positiva aumentará a satisfação e retenção do cliente.

Efetivação da qualidade: O atendimento de qualidade é a chave para relacionamentos duradouros com o cliente. A inteligência dos negócios proporciona o conhecimento do cliente por meio da coleta de dados, sendo possível trabalhar abordagens objetivas e específicas para aquele determinado consumidor.

Utilização de Dashboard: Trata- se de um painel visual que apresenta dados que são coletados, com métricas e indicadores que são compartilhados para os stakeholders com a finalidade de terem uma visão geral dos processos específicos das operações. Com isso, é possível tomarem decisões mais assertivas no atendimento.

Mensuração e análise dos resultados: Com o levantamento das informações obtidas pela coleta de dados, o gestor poderá ter controle em todas as etapas da operação por meio dos relatórios gerados. Dessa forma, com as informações obtidas, é possível mensurar o tempo médio do atendimento, eficiência nas soluções e resultados obtidos para nortear o gestor nas melhores decisões a serem tomadas para um atendimento excepcional.

Sobre a Nvoip

Fundada em 2018 pelos empreendedores Leandro Campos e Irina Campos, a Nvoip é uma startup de telecomunicações que oferece ao mercado uma plataforma de comunicação de voz, SMS e API para pequenas, médias e grandes empresas. Atualmente, a companhia tem clientes em todo território nacional e possui a maior cobertura de telefonia em nuvem do Brasil, chegando a mais de 2550 municípios no Brasil, além de mais de 70 países ao redor do mundo.

Participe das conversas sobre o futuro. Deixe a sua opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.