A integração da moda com a tecnologia é o diferencial que fará líderes no futuro Foto: Pixabay
A integração da moda com a tecnologia é o diferencial que fará líderes no futuro

 

Cada vez mais, produtores do segmento devem estar atentos à utilização da tecnologia como diferencial

Montserrat Corominas e Dave Darsch
Inc.com

Na indústria da moda , é crucial estar na vanguarda. Então, por que tantas empresas de roupas e acessórios estão atrasadas quando se trata de seu engajamento com a tecnologia? No atual ambiente de negócios, as empresas freqüentemente se concentram em plataformas de mídia social e comércio eletrônico, mas não marcam presença em outras maneiras pelas quais a tecnologia pode acelerar seu crescimento e ajudar a entender verdadeiramente seus clientes.

O futuro da moda é de tecnologia. A indústria da moda precisa de líderes reais, prontos para aproveitar as poderosas oportunidades de tecnologias em evolução. Aqui estão três tendências tecnológicas importantes que todas as empresas de moda precisam se envolver.

1. Tecnologia de voz

A fala é a forma mais natural de comunicação. E as empresas estão inovando para melhorar radicalmente as tecnologias de reconhecimento de voz. Isso tem grandes implicações para a moda. Vestuário que pode funcionar com smartphones e dispositivos ativados por microfone será uma prova de futuro. E o mais importante, as empresas irão interagir cada vez mais com seus consumidores através da tecnologia de voz.

Há previsões de que, até 2020, metade de todas as pesquisas na web usará pesquisas de voz ou imagens em vez de texto. Aplicativos de moda e sites que permitem que os clientes passem da pesquisa para comprar em um fluxo de voz suave – em vez de múltiplos cliques – criarão uma forte vantagem competitiva.

2. Funcionalidade e humanização

Os clientes de moda não querem fazer escolhas entre ficar bem e ficar conectado à tecnologia. As tecnologias humanizadas são projetadas em torno de como as pessoas naturalmente fazem as coisas. A moda precisa pensar em soluções integradas que levam em conta a vida de seus principais compradores.

As mulheres ainda dominam o consumo de moda. Os produtos que resolvem de forma inteligente suas necessidades específicas com a tecnologia prosperarão. Por exemplo, muitas mulheres dizem que muitas vezes perdem telefonemas porque seus telefones estão no fundo da bolsa.

E as roupas femininas não têm muitos bolsos, tornando tecnologias que permitam as mãos livres extremamente importantes para este mercado. Os revendedores experientes irão considerar formas de adaptar o vestuário às demandas tecnológicas e maneiras de fazer soluções tecnológicas – incluindo wearables – genuinamente atraentes e elegantes.

3. Uso de smartphone

As empresas de moda devem entender como seus clientes usam a tecnologia. Por exemplo, as mulheres tendem a baixar mais aplicativos e usar mais as funções de vídeo e foto do que os homens. Ambos os sexos esperam experiências sofisticadas. Os varejistas com um olho no futuro usarão avanços tecnológicos excitantes para projetar expositores virtuais interativos e aplicativos atraentes.

A integração de plataformas de moda com tecnologia de câmera e vídeo será fundamental e as empresas mais bem sucedidas desenvolverão uma estratégia “ao vivo” para aproveitar o poder das transmissões de vídeo ao vivo do Facebook, Instagram e Snapchat.

Misturar a criatividade da indústria da moda com a inovação da tecnologia é uma maneira infalível de criar experiências de usuário incríveis e clientes satisfeitos.

Texto original: Inc.com