Como 2022 pode se tornar o ano das novidades digitais?

260

O ano de 2022 é de novidades tecnológicas e digitais por dar espaço a temas como Web 3.0 e voz como interface digital

2022 - evolucao das redes de internet
Ilustração: Puxabay

Omarson Costa *

Com o surgimento da pandemia em 2020 e a influência direta e negativa em relação ao ano de 2021, as pessoas passaram a ter a sensação de lentidão causada pelo isolamento social e a falta de visibilidade às questões que não estavam ligadas à saúde. Mas 2022 trouxe a esperança do controle do novo vírus pela vacinação em massa e com isso coube a este ano a responsabilidade de fazer o que os seus antecessores não conseguiram, avançar em todas as áreas e setores que estavam parados.

A tecnologia foi uma das áreas mais movimentadas no combate a Covid-19 e também ganhou destaque como forma de entretenimento durante o período em que não podiam sair de casa, mas com um novo cenário, discussões como realidade virtual, wearables e viagens espaciais se tornam cada vez mais comuns, então 2022 se tornou o ano das novidades tecnológicas e digitais por dar espaço a esses temas: podemos falar sobre Web 3.0 e até como a voz está se tornando a mais nova interface digital.

A Web 3.0 é chamada de nova internet, porque promete uma revolução no meio computacional, pois permite que as máquinas processem um número maior de dados, o que significa que a informação vai acontecer de forma mais rápida e massiva. A Web 3.0 permite que coisas aconteçam mais rápido, isso é bom, mas também tem o lado negativo porque se algo der errado não dá tempo de evitar ou apagar.

Além da evolução da internet atual para 3.0, que ainda está programada para acontecer mais no futuro, apesar de já dar vestígios de mudanças, a energia limpa é o tema mais atual e que já está movimentando os rumos tecnológicos do mundo. A energia sempre é sempre um dos principais agentes que faz o mundo girar e agora não é diferente, mas agora é o momento da fonte limpa. A discussão da extinção de alternativas não sustentáveis como hidroelétricas e usinas nucleares são cada vez mais discutidos no G20 e foi abordado na COP26.

A exclusão de alternativas não ambientais obriga líderes mundiais e empresas multinacionais a investirem em novas opções como energia eólica e solar que não poluem o meio ambiente. Projetos visando uma ação mais equilibrada já estão sendo implantados no Brasil, torres de energia eólica estão em processo de produção desde Janeiro no estado do Rio Grande do Norte. Enquanto em Minas Gerais, empresas do setor elétrico constroem uma usina fotovoltaica.

Fora a energia limpa há várias tendências que já estão influenciando o ano, o comando de voz é um exemplo, no começo foi o mouse, depois o touchscreen, agora é a vez da voz, comenta Omarson sobre como ferramentas como Alexia e Siri estão comandando o mercado tecnológico. Daqui a pouco você está falando com a sua geladeira ou organizando a casa com algumas frases, porque a tendência não é algo distante como uma realidade virtual, mas sim é algo mais acessível.


  • Consultor e conselheiro de empresas

Participe das conversas sobre o futuro. Deixe a sua opinião

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.